Prefeitura de Caxias corta ponto de médicos grevistas

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, em torno de
R$ 360 mil reais serão descontados do salário de médicos que faltaram no mês de Abril.  

Segundo a nota divulgada a imprensa, essa medida também atende a um pedido do próprio prefeito Daniel Guerra (PRB), que considera a greve dos médicos ilegítima. 

Os médicos estão em greve a praticamente um mês, longe ainda do impasse ter hora para acabar. 

Comentários

comentários