Vice-prefeito Ricardo Fabris (Google)

Após o ato de renúncia e logo após a desistência deste, Ricardo Fabris (sem partido), que é vice-prefeito, comprou briga com o Daniel Guerra (PRB).  No entendimento do chefe do Executivo, o mandato não mais existe sendo qualquer ato ou solicitação do vice-prefeito nula. Leia mais